Prefeitura de Paraíba do Sul divulga edital do Concurso Público | JC Online

Prefeitura de Paraíba do Sul divulga edital do Concurso Público




A Prefeitura Municipal de Paraíba do Sul divulgou nesta quarta-feira, dia 14 de novembro, os editais do Concurso Público do município no site oficial da prefeitura. Os editais estão disponíveis no endereço eletrônico, e as provas objetivas para todos os cargos serão aplicadas no dia 13 de janeiro de 2019.

As inscrições serão realizadas exclusivamente via internet pelo site, entre os dias dia 29 de novembro e 13 de dezembro de 2018, e a data final para o pagamento do boleto de inscrição é o dia 14 de dezembro, conforme especificado no edital. Quem não efetuar o pagamento até a data limite, não poderá realizar a prova.

Foram divulgados três editais: o Edital 001 é específico para os cargos de profissionais da educação; o Edital 002 corresponde aos cargos administrativos e profissionais de diferentes áreas; e o Edital 005 é exclusivo para os agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias.

Os editais foram divulgados com 15 dias de antecedência para o início das inscrições para que fossem de amplo conhecimento público, oferecendo tempo hábil de preparação para os candidatos até a data de aplicação da prova. O último concurso público realizado pela prefeitura aconteceu em 2012.

A prefeitura informou que, durante o período de inscrição, a Biblioteca Municipal, localizada na Câmara Municipal de Vereadores, funcionará como um local de apoio à população para as inscrições no concurso. Assim, todas as pessoas que não possuem acesso à internet ou computador em casa podem comparecer a Biblioteca Municipal para efetuar a inscrição.

O Prefeito Doutor Alessandro comemorou a realização do concurso público, que será realizado sete anos após o último processo seletivo no município. “O concurso estava sendo aguardado pela população há muito tempo e a sua realização representa uma grande vitória desta gestão. O concurso fazia parte do meu plano de governo e é mais uma etapa importante que estamos cumprindo, gerando oportunidade, emprego e renda para o município” – disse Doutor Alessandro.

A Secretaria de Planejamento e Administração, o setor de Gestão Pública e a Comissão se Concurso Público estão à disposição da população no prédio da prefeitura para sanar qualquer tipo de dúvida sobre as etapas, as obrigações e questões do edital do processo seletivo.


Taxa de Inscrição e isenção

Os valores de inscrição no concurso público de Paraíba do Sul são aplicados de acordo com o cargo que candidato pretende concorrer. Os cargos para candidatos com formação até o ensino fundamental terão o valor de R$ 30, os cargos de formação técnica ou ensino médio, o valor da inscrição será de R$ 50, e para os cargos que exigem a formação em ensino superior, o custo é de R$ 80.

A isenção na taxa de inscrição será somente para as pessoas que são beneficiárias do Cadastro Único. No momento da inscrição do concurso é preciso fornecer o número do NIS (Número de Identificação Social) para que a isenção da taxa de inscrição seja confirmada. Todas as pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade, mas não fazem parte do Cadastro Único, podem procurar a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos e apresentar a documentação necessária para efetuar o cadastro.

 

Aprovação dos candidatos

A aprovação do candidato seguirá diferentes etapas classificatórias de acordo com o cargo. Para os cargos de professores serão duas etapas: a prova objetiva e a prova de títulos, que deverão ser entregues impreterivelmente pelos candidatos no dia da aplicação da prova objetiva. A prova de títulos também será realizada para todos os cargos que exigem formação em ensino superior.

Para aprovação no cargo de Guarda Civil Municipal serão exigidos o teste de aptidão física, a investigação social, o exame psicotécnico e o curso de formação continuada, todos de caráter eliminatório. Também haverá provas práticas de caráter classificatório e eliminatório, para os cargos de motorista, merendeira e auxiliar de serviços gerais.

 O concurso da Prefeitura Municipal oferecerá 5% das vagas para deficientes físicos, sendo necessário declarar o tipo de deficiência no momento da inscrição.  Em seguida o candidato passará pela perícia médica da comissão organizadora do concurso para verificação se a deficiência está em acordo com o cargo que ela postula. Todas as pessoas com necessidade especiais poderão solicitar condições adequadas para a realização da prova, como leitura ampliada da prova, através de letras maiores, ponto de ouvido para deficientes auditivos, entre outros.

Para o cargo de agente comunitário de saúde uma exigência prevista na Lei Federal 11.350/2006 é o fato de que o candidato deve residir no bairro no qual ele prestará o serviço, devido a necessidade do candidato conhecer a realidade do local. Os aprovados para agente comunitário também precisarão realizar um curso preparatório sobre o Programa de Saúde da Família, e ao final do curso realizarão uma prova classificatória para que sejam definitivamente aprovados para a vaga.

 

Salários e Número de Vagas

Os salários iniciais previstos no edital estão dentro do piso das profissões, e a prefeitura já pratica salários acima do piso para alguns cargos, como agentes de endemia e professores. Após a aprovação no concurso e o período de estágio probatório, os profissionais aprovados terão direito a reajustes salariais previstos no plano de cargos e salários do município que rege todos os direitos dos servidores.

Em relação ao número de vagas para o concurso público, a prefeitura municipal informou que realizou um estudo de impacto orçamentário e financeiro na contratação de novos servidores efetivos, principalmente, devido à crise econômica enfrentada pelo município e todo o Estado do Rio de Janeiro.

O estudo de impacto foi feito com muita responsabilidade em conjunto com diversos setores da prefeitura, determinando-se o número máximo de vagas para novos servidores que a prefeitura suporta para o orçamento de 2019. Entretanto, a prefeitura informou também que o concurso tem validade de dois anos, e pode ser prorrogado por mais dois anos, o que permite que sejam feitas novas convocações de candidatos aprovados no concurso durante este período.